Reflexão: “Estou destinado a morrer. ”
Foto: Diocesis Asis – Nocera Umbra -Gualdo Tadino

Reflexão: “Estou destinado a morrer. ”

Estou destinado a morrer. ” (Beato Carlo Acutis)

Carlo Acutis disse esta frase um tempo antes de morrer. Mas qual ensinamento podemos tirar dela? Vem comigo e vamos refletir juntos!

A palavra morte ou a palavra morrer na maioria das vezes traz um sentimento de tristeza, perda ou medo para quem ouve ou pronuncia não é mesmo? Mas já parou para pensar que a nossa vida não acaba aqui? Mas que temos um Céu preparado para nós? E é nesse sentido que podemos refletir sobre essa frase do nosso querido Beato Carlo Acutis. Ele já sabia que iria morrer, não só pela sua doença (Carlo sofria de uma Leucemia), mas assim como todos nós sabemos que um dia morreremos para essa vida terrena. A diferença é que Carlo dizia isso com um enorme sorriso pois tinha a certeza e a alegria no seu coração de que o Céu o esperava.

A voz do Beato Carlo Acutis | The voice of Blessed Carlo Acutis

Daí podemos nos questionar, mas como ter a certeza do Céu? Eu respondo para você: lutando para não perdê-lo. Sim, para não perdê-lo, pois Deus já nos deu o Céu, está lá preparado, porém são as nossas atitudes aqui na Terra em preparação para a vida eterna que nos fará alcançá-lo ou não.

Então podemos dizer como Carlo: estou destinado a morrer! Mas não com tristeza ou medo, mas com a certeza no coração de que Deus preparou um Céu para nós! Lutemos a cada dia para não perdê-lo, façamos tudo com amor, cuidemos uns dos outros e sempre com os olhos fixos no Pai que nos ama e nos mostra sempre o caminho a trilhar aqui na Terra, que nos ajuda a superar as dificuldades e sofrimentos que fazem parte dessa vida, na certeza da eternidade!

Leia mais sobre Carlo Acutis, clicando aqui

Muniele Alves – Coordenadora do Grupo de Oração Jovem Jesus, O Bom Pastor.